Educação Metodista do Brasil

Sobre Nós


A Educação Metodista chegou ao Brasil em 1881, graças à visão inovadora da missionária Martha Watts, que fundou o Colégio Piracicabano. Com a expansão das instituições educacionais por todo o País, em 1967 é criado o Cogeime – Instituto Metodista de Serviços Educacionais, agora sob o nome de Educação Metodista do Brasil, para celebrar a integração das instituições educacionais metodistas de qualquer nível ou especialização.

Hoje são seis instituições de nível superior, 31 de educação básica ou suplementar, 13 teológicas, um centro de estudos e pesquisas sobre educação e metodismo, uma escola de música, um centro cultural e cerca de 100 polos de educação a distância.

Destaques Metodista


A Educação Metodista Brasileira conta com duas universidades, dois centros universitários, duas faculdades e 14 colégios, além de creches, escola de música, educação suplementar, centro cultural e centro de estudos sobre educação e metodismo, localizados em vários pontos do País.

Tradição centenária

As instituições educacionais metodistas estão presentes no Brasil desde 1881, alicerçadas pela tradição, qualidade de ensino e valores ético-cristãos. Nas cidades em que se consolidou, a Educação Metodista teve papel fundamental no desenvolvimento local e suas instalações ajudam contar um pouco da história da cidade e do País. Muitos de seus edifícios são tombados como patrimônio histórico, são eles:

- Sede do Centro Cultural Martha Watts, em Piracicaba, construído em 1884;
- Colégio Metodista Centenário, localizado em Santa Maria, construído em 1922;
- Edifício Alfa, sede do Centro de Memória Metodista, em São Bernardo do Campo, construído em 1941;
- Edifício do Instituto Porto Alegre, localizado em Porto Alegre, construído em 1924;
- Campus Praça da Liberdade, localizado em Belo Horizonte, construído em 1938;
- Edifícios do Instituto Metodista Granbery, em Juiz de Fora, construídos em 1903.

Infraestrutura

Nossas instituições são marcadas pela qualidade da sua infraestrutura, contando com espaços físicos e recursos tecnológicos para uma formação conectada às tendências do mercado. Ao todo, são 584 salas de aula e laboratórios multimídia espalhados por nossos campi e unidades, além de espaços específicos à cada área de conhecimento. Os estudantes contam, ainda, com um acervo de 853.954 livros disponíveis nas bibliotecas físicas, além do acervo digital.

Possibilidades de intercâmbio

Tanto na educação básica quanto no ensino superior há a possibilidade de intercâmbios e missões de estudos em instituições estrangeiras conveniadas. Apenas em 2018, a Educação Metodista recebeu 35 alunos estrangeiros e enviou 95 estudantes para participaram de programas de estudos no exterior.

Premiações e reconhecimento

As instituições de ensino superior já receberam diversas premiações, boas avaliações pelo Ministério da Educação (MEC) e resultados positivos nas pesquisas de satisfação. O Guia do Estudante, uma das mais importantes publicações de educação do País, concedeu 331 estrelas aos cursos de graduação da Educação Metodista em 2018.

Pesquisa e Extensão

Além do ensino, a pesquisa e a extensão são bases da educação superior. Assim, a Educação Metodista promove 61 projetos de extensão que oferecem oportunidades de diálogo e prestação de serviços à comunidade a partir do conhecimento produzido no ambiente acadêmico. A pesquisa, que consolida a universidade como espaço para a produção e disseminação do conhecimento, é um dos enfoques da Educação Metodista que atualmente possui 65 projetos em andamento.

Formação cidadã

A Educação Metodista forma profissionais éticos e conscientes da responsabilidade de sua atuação profissional na transformação da sociedade. Os estudantes têm uma média de seis disciplinas por semestre, totalizando 24 disciplinas no total para cursos técnicos, 48 para cursos com duração de 4 anos e 60 em cursos com duração de 5 anos. Ao longo de todas essas disciplinas, temas relevantes como sustentabilidade, direitos humanos e cidadania estão inclusos transversalmente. Esse aprendizado é fundamental para que os profissionais formados pela Metodista sejam conscientes de sua responsabilidade social e cidadã.

CEO Responde


Robson Ramos de Aguiar, diretor-geral da Educação Metodista do Brasil, apresenta importantes novidades para 2019:

Conheça os pilares da Educação Metodista do Brasil:

Assista ao vídeo do diretor-geral e conheça as ações realizadas para fortalecer a Educação a Distância:

Conheça as instituições da Educação Metodista do Brasil.

Convite - Educação Metodista

98%

Satisfação

40.000+

Formados na Educação Básica

53.625+

Alunos Presentes

400.000+

Curtidas

Nossas Instituições


Conheça os nossos colégios, faculdades, centros universitários, universidades e unidades de educação a distância