Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Ex-bolsista, egressa do Izabela Hendrix participará de missão com refugiados

Ex-bolsista, egressa do Izabela Hendrix participará de missão com refugiados

Confessionalidade e espírito comunitário. Estes são dois valores fundamentais para o ensino promovido pela Educação Metodista em suas instituições e que proporcionam iniciativas que vão além das questões pedagógicas presentes na sala de aula e transformam alunos em cidadãos conscientes socialmente.

Nayara Alves Gervásio é fruto dessa tradição. Ex-aluna do curso de Administração no Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix, a egressa foi aprovada no programa Generation Transformation, mantido pela Igreja Metodista Unida dos Estados Unidos, e irá atuar em uma missão internacional com refugiados em El Salvador.

Em sua trajetória rumo à conquista, Nayara Alves Gervásio contou com o apoio do Izabela Hendrix. Quando cursava a graduação de Administração, possuía uma bolsa de estudos, que lhe proporcionava 100% de isenção nas mensalidades. A ex-aluna considera o fato essencial para o seu mais recente êxito, uma vez que o incentivo lhe concedeu a oportunidade de viver experiências e responsabilidades relevantes nas horas dedicadas ao trabalho voluntário. “Ganhar uma bolsa no Izabela foi muito bom porque me proporcionou o contato com haitianos do programa de intercâmbio da época”, recorda.

Sempre interessada em questões sociais e humanitárias, a ex-aluna ressalta o caráter confessional da Instituição. “O Izabela Hendrix proporciona aos estudantes um engajamento em aspectos para além das questões estudantis. Como aluno, você pode fazer mais e participar”, afirma. “Um dos motivos para eu gostar tanto de minha formação foi ter aprendido conteúdos mais humanistas do que financeiros no decorrer do curso. O mundo é movido por dinheiro e é difícil encontrar instituições que abram as portas para a caridade”, completa.

Os ensinamentos obtidos durante o curso de Administração propiciaram à Nayara a bagagem técnica necessária para enfrentar os desafios em sua missão em El Salvador. A graduação abordou aspectos como comunicação, pessoas, marketing, finanças, entre outros. Em sua formação, a egressa também aprendeu a lidar com as questões ligadas ao terceiro setor. “Falta profissionalismo em algumas agências e programas. As pessoas querem salvar o mundo, mas não se profissionalizam para tal. Como havia disciplina sobre o assunto na grade curricular, pude conhecer bastante sobre o assunto”, finaliza.

Missão
O Generation Transformation é um programa mantido pela Igreja Metodista Unida dos Estados Unidos que envia jovens com idade entre 20 e 30 anos para serviços missionários ao redor do mundo por dois anos. Na iniciativa, os participantes se envolvem com comunidades locais caracterizadas pelas injustiças sociais, vivenciam experiências humanitárias e desenvolvem habilidades como o perfil de liderança.